Naquele Lugar

Naquele lugar…

Onde o sol sempre brilhou mais bonito,

lugar em que as palavras penetravam com facilidade o coração,

bacia de muitas lágrimas e palco de grandes gargalhadas.

muitos amigos lá fiz, entre eles alguns que o tempo não apagou,

lá chorei, ri, falei, calei, alegrei, magoei, surpreendi, decepcionei;

em grande parte do tempo cercado pelas “irrelevâncias”,

em conversas de canto, ora falando sério, ora só besteira,

mas sempre sendo construído, aprendendo, decindindo ser o que sou e o que desejo ser.

No final das contas nunca foi o lugar, o que a ele pertence são somente as memórias,

essas que vão ficar para sempre ou não, mas um coisa  certa,

todas as marcas em mim deixadas não tiveram aquele lugar como protagonista e sim os relacionamentos,

alguns que me machucaram e deixaram cicatrizes profundas,

outros, uma boa parte, marcaram-me pelo amor, simples, sem a sofisticação e impessoalidade dos anteriores,

amor que se preocupa, que não exija que eu seja o que não sou, amor demonstrado as vezes por quem menos se espera, amor transbordado num sorriso, numa lagrima, em um “não te avisei, mas tamo junto”,

em um forte e caloroso abraço.

o lugar era só um detalhe, o ambiente que Deus escolheu para esse encontros,

aquele lugar estará sempre lá,

mas as pessoas levo comigo, levo no que sou!

André Dickson

Anúncios

Publicado em 29 de novembro de 2011, em Extras. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: